quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Coisas que me deixam chegadinha aos nervos

Vi uma promoção numa agência de viagens bem conhecida, para os Açores. Desde que fui á Ilha Terceira este ano, fiquei com o bichinho de conhecer as outras ilhas, se bem que neste assunto não preciso que nenhum bicho me pique, que eu já sofro da febre das viagens desde que me lembro de ser gente. Desta vez pensei, vou ao Faial e depois faço a viagem de barco do Faial para o Pico, de uma só vez vejo logo duas ilhas! Sondei o Sr Fofinho, que racional como é me disse, bom... depende do dinheiro que tiver disponivél, até porque queres fazer uma viagem grande em Outubro e é preciso juntar para ela. Depois a promoção é só até Março e ainda não sabemos bem as férias que vamos ter. Temos que ver mais para a frente, não te consigo dar já uma resposta.
Mas eu obstinada como sou e nada materealista pensei cá com os meus botões, não quero saber... já me estou a imaginar nos Açores com ele, vai ser tão bom! Ofereço a viagem dele, afinal são só 4 dias, não vai ser nada que me leve á falência e ir com ele torna tudo mais especial. Sou daquelas pessoas que gosta de dar presentes durante todo o ano (n espero que me retribuam de igual forma, apenas com muita felicidade com o miminho e mt amor) e se tiver verba para oferecer uma viagem é mesmo isso que compro. Não seria a primeira vez que o faria, este ano por exemplo ofereci de prenda de anos á mãe uma viagem para a Turquia. Então hoje de manhã fui comprar uma lâmpada de infra vermelhos para também dar aos pais no Natal que estão sempre a queixar-se das mazelas e passei na agência para saber as datas dos voos para Março por forma a pensar já no melhor dia para marcar as férias.
Qual não é o meu espanto quando ela me diz que existem voos dia sim, dia não tanto pela Sata como pela Tap, mas que praticamente já não há lugares disponiveis. Eu teria comprado logo as viagens, mas precisamos fazer primeiro a marcação das férias no trabalho e só lá para meio de Janeiro é que as férias são confirmadas. Estou msm a ver o Faial por um canudo, nessa altura já não deve haver lugares disponiveis. Pergunto eu, com tanta crise e tal e tal como é que a 3 meses de distância já têm os bilhetes praticamente todos vendidos? Mas esta gente não sabe ficar em casa?

3 comentários:

Turista disse...

Minha querida, parece-me que há muita gente a pensar como tu! ;)

Estagiário disse...

A solução é: compras os bilhetes. Se conseguires ferias para esses dias... fantástico. Caso contrário... « cof * cof »

ao virar da esquina disse...

Já sei, digo que fui envenenada com o ratax da teu creme aveludado de abobora lol
(que a propósito estava maravilhoso)